Processos

Na trilha de um mito

27 de maio de 2015 Processos
Kassandra. Foto: Cristiano Prim.
Kassandra. Foto: Cristiano Prim.

Vol. VIII nº64, maio de 2015.

Resumo: É sabido o quanto se debatem, hoje, os estudos teatrais com as possibilidades de pensar não mais apenas o resultado espetacular, mas também os processos que originam o espetáculo, e é aqui onde justamente a crítica genética tem muito a contribuir. A peça Kassandra (2012), do dramaturgo franco-uruguaio Sergio Blanco, e interpretada pela atriz Milena Moraes, é o texto escolhido para se analisar as relações criativas entre o processo e a montagem.

Para além do caranguejo

22 de dezembro de 2014 Processos

Vol. VII, nº 63, dezembro de 2014

Resumo: O ensaio pretende refletir sobre aspectos particulares do processo criativo que foi apresentado ao público em setembro de 2014 no Teatro Dulcina, durante a ocupação Dulcinavista. Diante das ambiguidades existentes entre uma obra em processo e uma obra completa, pensam-se os próprios rumos possíveis do trabalho em construção, que parece se colocar frente ao espectador, inevitavelmente, como questão em aberto.

Palavras-chave: Obra, Processo, Estética da pobreza

Abstract: The essay intends to reflect on certain aspects of the creative process that was presented to the public on September 2014 at Teatro Dulcina, during the artistic occupation called Dulcinavista. Facing the ambiguities between a work in progress and a finished one, the author considers the spectator’s point of view and projects the future creative paths that end up showing themselves as open questions.

Keywords: Work, Process, Aesthetics of poverty

Rádio Loquaz – notas de direção

22 de dezembro de 2014 Processos

Vol. VII, nº 63, dezembro de 2014

Resumo: O presente artigo se constitui de reflexões sobre o processo de direção do espetáculo Rádio Loquaz – ZYK 693 Pausas de se ouvir, do grupo teatral O Dromedário Loquaz (2014). O texto conta aspectos do processo de criação e ensaios do espetáculo, assim como tece reflexões sobre aspectos como a voz e escuta na cena, memória e processos de construção dramatúrgica através da experiência prática da montagem de uma encenação teatral.

Palavras-chave: grupo teatral, direção, registro, escuta

Abstract: This article is formed by reflections about the direction process of the scenic performance Rádio Loquaz – ZYK 693 Pausas de se ouvir, from the company O Dromedário Loquaz (2014). The text contains aspects from the creative process and the rehearsals for the performance, as well as weaves reflections about aspects such as vocal/listening matters, memory and the construction of dramaturgy through the practical experience on setting a performance in theatre.

Keywords: theatre company, stage direction, register, listening

Diário de bordo de uma atriz

22 de dezembro de 2014 Processos

Vol. VII, nº 63, dezembro de 2014

Resumo: Diário de bordo e reflexões da atriz Nicole Cordery sobre o processo de ensaios da peça Dissecar uma nevasca, de Sara Stridsberg, dirigida pela sueca Bim de Verdier, desde abril de 2014. Descrição das diferentes etapas do processo de ensaios feitos no Brasil e na Suécia, e do poder da ação do tempo nesse processo.

Palavras-chave: teatro, dramaturgia sueca, elenco brasileiro, ensaios no Brasil, ensaios na Suécia, Sesc Belenzinho, Uppsala, Wik, Dissecar uma nevasca, Dissekering av ett snöfall

Résumé: Journal de bord et pensées de la comédienne Nicole Cordery autour du travail et des répétitions du spectacle Disséquer une Tempête de Neige, de Sara Stridsberg, mise en scène par Bim de Verdier, depuis Avril 2014. Description des diverses étapes de la production et des répétitions réalisées au Brésil et en Suède, suivi d’une discussion du pouvoir et de l’action du temps sur ce projet.

Mots-clé: théâtre, dramaturgie suédoise, troupe brésilienne, répétitions au Brésil, répétitions en Suéde, Sesc Belenzinho, Uppsala, Wik, Disséquer une Tempête de Neige, Dissekering av ett snöfall

Meu corpo é minha política

30 de junho de 2014 Processos

Vol. VII, nº 62, junho de 2014

Resumo: As palavras aqui tratam de um projeto que nasceu no fim de 2006 e permanece até hoje: é formado por uma performance, três solos de dança contemporânea, duas oficinas e uma performance (para a rua, eu acho) que está ainda em gestação. Este texto trata, resumidamente, de processos de criação, viagens, encontros, pessoas, lugares e histórias. Bem vindo ao micro relato de processo Meu Corpo é Minha Política – Uma coreógrafa e oito anos experimentando territórios, descobertas de inesperadas soluções, precariedades e invenções por 25 cidades no Brasil e 10 países ou ao (rascunho do futuro livro) Diário de Bordo de uma Artista do Brasil.

Palavras chave: Corpo – política – dança contemporânea – performance – processo – colaboração

Abstract: The words here deal with a project that was born in 2006 and remains today: consists of a performance, three contemporary dance solos, two workshops and a performance (for the street, I think) that is still in gestation. This paper addresses briefly the processes of creation, travels, meetings, people, places and stories. Welcome to micro report of My Body is My Politics – A choreographer and eight years experimenting territories, discoveries of unexpected solutions, precariousness and inventions for 25 cities in Brazil and 10 countries or (the draft of the future book) Diary of a artist of Brazil.

Keywords: body, politics, contemporary dance, performance, process, collaboration

Newsletter

Edições Anteriores

Questão de Crítica

A Questão de Crítica – Revista eletrônica de críticas e estudos teatrais – foi lançada no Rio de Janeiro em março de 2008 como um espaço de reflexão sobre as artes cênicas que tem por objetivo colocar em prática o exercício da crítica. Atualmente com quatro edições por ano, a Questão de Crítica se apresenta como um mecanismo de fomento à discussão teórica sobre teatro e como um lugar de intercâmbio entre artistas e espectadores, proporcionando uma convivência de ideias num espaço de livre acesso.

Edições Anteriores