teatro da vertigem | Questão de Crítica – Revista eletrônica de críticas e estudos teatrais

Tag: teatro da vertigem

Breve exposição de uma pesquisa artística: a crítica interna em um processo de criação colaborativo

26 de novembro de 2016 Processos

Este é um breve relato quanto à experiência de criação do Estudo sobre o masculino: primeiro movimento[1], como diretor e dramaturgo. Uma investigação artística que visou problematizar acerca do universo masculino a partir de um contorno: a fragilidade, no contemporâneo, de homens nascidos nas décadas de 1960 e 1970. Desta experiência de criação, gostaria de enfocar o dispositivo da crítica interna, prática associada aqui, com o propósito de especulação, ao procedimento dos feedbacks, e destacar dois momentos nos quais é possível identificar seu papel a partir da perspectiva de aguçar a busca pela consistência da pesquisa artística. Para esse fim, cabe esclarecer, brevemente, certo contexto do processo e algumas condições em que se estabeleceu a execução da pesquisa: acerca dos objetivos, da organização dos encontros, e dos dispositivos de criação adotados.

Geografia da exclusão

1 de novembro de 2012 Críticas
Foto: Flavio Morcbach Portella

O Teatro da Vertigem evidencia a ampliação do conceito de texto por meio da utilização de espaços não-convencionais, a exemplo das apresentações em igreja (Paraíso Perdido), hospital (O Livro de Jó), presídio (Apocalipse 1,11), rio (BR3) e prédio (Kastelo). O público é inevitavelmente influenciado pela carga desses espaços – carga que se converte em texto não-verbal, confirmando que as vias de acesso aos espetáculos não se dão mais tão-somente pelas palavras proferidas pelos atores em cena.

Vertigem ética e estética

15 de novembro de 2008 Estudos

Gostaria de abordar a questão da cidadania que atravessa o trabalho do Teatro da Vertigem e, por extensão, as correlações entre ética, estética e política. Para tanto, alguns aspectos me parecem centrais: a) o grupo sente-se mobilizado em torno de temas/questões que tensionam a sociedade e nela flagram posições díspares, conflituosas ou em oposição; b) as temáticas religiosas encontram junto ao grupo um apelo muito forte, o que aponta para uma dimensão vital dentro da sociedade: as implicações da fé, das crenças e dos sistemas de valores; c) os logradouros públicos escolhidos para os espetáculos priorizam as interfaces sociais que os revestem, suas condições de “espaços em disputa”; d) o grupo pratica inúmeras modalidades de pedagogia, sejam internas ao coletivo sejam externas, abertas e voltadas para a sociedade.

No Rio, o Teatro da Vertigem leva o espectador de barco

10 de junho de 2008 Traduções

Blog Balagan, do site Rue 89.

Tradução de Felipe Vidal

Jean-Pierre Thibaudat é escritor e jornalista. Publicou recentemente uma biografia do dramaturgo Jean-Luc Lagarce, Le Roman de Jean-Luc Lagarce, pela editora Les Solitaires Intempestifs, e um ensaio sobre a sua obra intitulado Jean-Luc Lagarce, pela editora Cultures France. É conselheiro artístico do festival Passages à Nancy e escreve regularmente para o blog Balagan, no site Rue 89, onde a crítica do espetáculo BR-3 foi publcada originalmente.

Newsletter

Edições Anteriores

Questão de Crítica

A Questão de Crítica – Revista eletrônica de críticas e estudos teatrais – foi lançada no Rio de Janeiro em março de 2008 como um espaço de reflexão sobre as artes cênicas que tem por objetivo colocar em prática o exercício da crítica. Atualmente com quatro edições por ano, a Questão de Crítica se apresenta como um mecanismo de fomento à discussão teórica sobre teatro e como um lugar de intercâmbio entre artistas e espectadores, proporcionando uma convivência de ideias num espaço de livre acesso.

Edições Anteriores