Tag: Lourenço Mutarelli

Interseções entre teatro e cinema através da Internet

13 de setembro de 2010 Críticas
Foto: Alessandra Fratus

O modelo de sociedade, segundo Foucault, de uma “sociedade disciplinar” – a qual se caracteriza por uma forma de encarceramento completo do indivíduo num ambiente arquitetural – vem se transformando naquilo que Gilles Deleuze identifica por “sociedade de controle”, sendo um controle aberto e contínuo, anti-arquitetura, onde os dispositivos disciplinares tornaram-se menos limitados; as instituições sociais modernas geram indivíduos sociais muito mais flexíveis. Essa passagem para a “sociedade de controle” abarca uma subjetividade que não está atida à individualidade. O indivíduo não pertence a nenhuma identidade ao mesmo tempo que pertence a todas pois, mesmo no exterior das instituições sociais, continua a ser veementemente comandado pela lógica disciplinar.

Conversa com Lourenço Mutarelli

15 de dezembro de 2008 Conversas

Conversa com Lourenço Mutarelli, concedida em 07 de Julho de 2006, na residência particular do autor e desenhista, em Vila Mariana, São Paulo. Versão editada.

Nos desenhos e álbuns de Lourenço Mutarelli destacam-se especialmente o traço marcante e as histórias que evidenciam um caráter visivelmente autobiográfico. Reconhecido inicialmente no universo dos quadrinhos por meio de uma obra extremamente singular e autoral, Mutarelli menciona entre os autores que o influenciam, Kafka, Ionesco e Beckett. Em nossa conversa, o autor discute alguns pontos em comum e as principais diferenças entre o desenho, o romance e o teatro. Mutarelli fala do seu encontro com a Cia da Mentira[i] e do processo de criação da peça O que você foi quando era criança?[ii]. O autor comenta ainda o seu último álbum A Caixa de Areia, e fala sobre o desejo de transportar o espectador de teatro com o mínimo. 

Do livro ao palco

15 de dezembro de 2008 Críticas
Atores: Nilton Bicudo e Maria Manoella. Foto: Lenise Pinheiro.

A produção paulista O natimorto, adaptação do romance de Lourenço Mutarelli feita por Mario Bortolotto – que também assina a direção – veio fazer temporada no Rio de Janeiro, assim como as peças Vaca de nariz sutil, texto de Campos de Carvalho encenado pelos Parlapatões, e Hotel Lancaster, texto de Bortolotto dirigido por Marcos Loureiro. Vaca de nariz sutil encontrou seu lugar no Teatro Poeira, palco de estréia de outro romance de Campos de Carvalho, O Púcaro búlgaro, encenado em 2006. Já Hotel Lancaster foi inserido na programação da Sala Multiuso do SESC, espaço que acolhe, vez por outra, espetáculos pouco convencionais. Até aqui, é possível ver uma combinação de situações favoráveis para a vinda destas três peças de São Paulo para o Rio. No entanto, O Natimorto veio fazer temporada no Teatro do Leblon, que não parece ter o perfil do espetáculo.

Newsletter

Edições Anteriores

Questão de Crítica

A Questão de Crítica – Revista eletrônica de críticas e estudos teatrais – foi lançada no Rio de Janeiro em março de 2008 como um espaço de reflexão sobre as artes cênicas que tem por objetivo colocar em prática o exercício da crítica. Atualmente com quatro edições por ano, a Questão de Crítica se apresenta como um mecanismo de fomento à discussão teórica sobre teatro e como um lugar de intercâmbio entre artistas e espectadores, proporcionando uma convivência de ideias num espaço de livre acesso.

Edições Anteriores