Tag: marco andré nunes

Identidade

10 de setembro de 2008 Críticas

Em cartaz no Espaço Cultural Sérgio Porto, o espetáculo Ingrid, dirigido por Marco André Nunes com dramaturgia de Fidelys Fraga, acontece à meia-noite de sexta e sábado, horário pouco explorado pelas salas de teatro da cidade. Trata-se de um projeto da atriz Carolina Virgüez, colombiana residente no Brasil, que teve como motivação inicial a leitura do livro Coração enfurecido de Ingrid Betancourt, personalidade que se tornou objeto de pesquisa da atriz, ponto de contato com suas origens e personagem do trabalho em questão.

Dramaturgia cênica delicada

10 de setembro de 2008 Críticas
Atriz: Carolina Virgüez. Foto: divulgação.

A cena do espetáculo Ingrid opera um certo deslocamento em relação aos formatos mais usuais de monólogos em teatro. A meu ver não existe uma pretensão de construir um personagem que propriamente retrate a personalidade que é o ponto de partida do espetáculo, nem a peça insiste no sofrimento do cativeiro ao qual ficou sujeita a colombiana Ingrid Betancourt sob o poder das Farc. Acredito que o que está em jogo no acontecimento que o espetáculo quer revelar esteja impregnado nas ações corporais da atriz Carolina Virgüez. Um paradoxo refinado constitui suas ações que, para dar a ver cinestesicamente o sofrimento real de Ingrid Betancourt no cativeiro, trabalha com gestos expressivos que remetem a uma ordem simbólica.

Notes

Newsletter

Edições Anteriores

Questão de Crítica

A Questão de Crítica – Revista eletrônica de críticas e estudos teatrais – foi lançada no Rio de Janeiro em março de 2008 como um espaço de reflexão sobre as artes cênicas que tem por objetivo colocar em prática o exercício da crítica. Atualmente com quatro edições por ano, a Questão de Crítica se apresenta como um mecanismo de fomento à discussão teórica sobre teatro e como um lugar de intercâmbio entre artistas e espectadores, proporcionando uma convivência de ideias num espaço de livre acesso.

Edições Anteriores