Tag: CPT

O embate do homem comum

22 de dezembro de 2014 Críticas

Vol. VII, nº 63, dezembro de 2014

Resumo: O texto realiza uma análise da peça Nossa cidade, escrita pelo dramaturgo norte-americano Thornton Wilder e encenada pelo CPT/SESC e Grupo de Teatro Macunaíma, sob a direção de Antunes Filho. A perspectiva da análise aborda o pensamento a respeito do homem comum como agente da história. Procuramos apresentar alguns elementos fundamentais que compõem a encenação neste sentido.

Palavras-chave: Thornton Wilder, Antunes Filho, Hannah Arendt, Michel De Certeau.

Abstract: The article carries out an analysis of the play Our Town, written by American playwright Thornton Wilder and staged by the CPT / SESC and Grupo Teatro Macunaíma, directed by Antunes Filho. The perspective of the analysis covers the thought about the common man as an agent of history. We present some basic elements that make up the staging in this regard.

Key-words: Thornton Wilder, Antunes Filho, Hannah Arendt, Michel De Certeau.

Lamartine Babo: nostalgia e desencanto

29 de março de 2012 Estudos

No sobrado de um bairro distante e desencantado, um grupo de músicos ensaiam exclusivamente o repertório de Lamartine Babo quando recebem a visita de um homem misterioso: Silveirinha. Ele pede-lhes o favor de simplesmente assistir ao espetáculo, mas gradativamente interfere com comentários detalhados da vida do autor, das músicas e muitas vezes do contexto de tais criações. Entremeando canções, Antunes Filho – em estreia como dramaturgo – constrói o mistério em torno do intruso, num suspense que sugere significados místicos, embora o eixo seja o compositor carioca que notabilizou-se principalmente pela criação de marchinhas carnavalescas e hinos de futebol. O desfecho virá após a entrada da “sobrinha” do intruso, com uma revelação que destroça a sobriedade um tanto soturna – ou defunta – de Silveirinha, rebaixando-o ao plano do patético, mas antes passando pelo sublime das apresentações musicais.

Notes

Newsletter

Edições Anteriores

Questão de Crítica

A Questão de Crítica – Revista eletrônica de críticas e estudos teatrais – foi lançada no Rio de Janeiro em março de 2008 como um espaço de reflexão sobre as artes cênicas que tem por objetivo colocar em prática o exercício da crítica. Atualmente com quatro edições por ano, a Questão de Crítica se apresenta como um mecanismo de fomento à discussão teórica sobre teatro e como um lugar de intercâmbio entre artistas e espectadores, proporcionando uma convivência de ideias num espaço de livre acesso.

Edições Anteriores